Onde cada signo pode encontrar o grande amor?

Fabiana encontrou o marido na caminhada em grupo pelas montanhas. Celinha achou o grande amor de sua vida escolhendo azeite  no mercado. Ele se aproximou pedindo dicas de receitas e… tudo começou! Júlio levou seu poodle para passear e o cão provocou o labrador do Ricardo. Da briga entre os pets, começou uma relação afetiva que dura doze anos.

Quer sabe onde cada signo pode encontrar o amor? 

Áries – Pode conhecer na ginástica, no clube, no grupo de corrida ou em algum campeonato de esportes. Fazendo trilha, viajando, surfando, andando de bike… Também não é raro encontrar a cara-metade no trabalho e sentir, logo no início, um misto de atração e admiração, mas também um pouco de rivalidade profissional que, mais à frente, vai ceder espaço para o amor. Se o acaso fizer os olhares se cruzarem na rua, é só trocar os telefones: o imprevisível é o disfarce do cupido, que liga dois corações prontos para se apaixonar.

Touro – Se você pensou em restaurante, acertou!. Mas esse cenário gastronômico pode ser mais sofisticado: visitando uma vinícola, fazendo prova de queijos e vinhos ou  curso de doces e pães. Galerias de arte, mercados de artesanato ou, quem sabe, na fila do banco, esperando para conversar com o gerente. Comprando flores e plantas para enfeitar a residência e, de repente, os olhares se cruzam. Pode ser o arquiteto que vai decorar a casa, o corretor que encontra seu inquilino ou alguém que comenta sobre um novo produto na fila do supermercado.

Gêmeos – Pode conhecer na juventude, na escola ou universidade. Grandes amigos, eles viajam juntos e o sentimento se torna mais forte.  Mas os aplicativos também são boas ferramentas para encontrar uma parceria inteligente para a mente, a alma e o coração. Esbarra no cinema, no show, na balada, no Carnaval. Se sobe junto no elevador, descobre que o vizinho do andar de cima é apaixonante. Na livraria, encontra alguém comentando sobre o livro que marcou sua vida para aquela pessoa que abriu um sorriso tímido, mas interessado.

Câncer – A pessoa amada é filha ou filho dos melhores amigos dos pais. É alguém que fez parte da infância ou juventude. Mas pode encontrar também em algum curso, visitando museus ou num grupo de ginástica que se reúne para trocar receitas de dieta saudável. Pode ser num retiro espiritual, numa viagem ao Nepal, nos degraus da pirâmide no México…

Leão – Leoninos preferem cenários exuberantes. Pode ser no casamento do melhor amigo, na festa de fim de ano da empresa ou em qualquer tipo de reunião com charme e encanto. No grupo de terapia, no restaurante chique, olhando vitrines num shopping elegante. Leão tem necessidade de sentir algo muito especial logo no primeiro olhar. É preciso que a outra pessoa desperte esse frio na espinha e que as borboletas se agitem no estômago. Pode encontrar o amor no cabeleireiro ou num desfile de moda buscando ver as novas tendências.

Virgem – Onde mais além do ambiente de trabalho? Chefe, colega ou cliente? Quem sabe no fisioterapeuta, fazendo exercícios para consertar a coluna ou em cursos que tragam crescimento profissional. O primeiro papo será, exatamente, sobre trabalho e a vontade de se aperfeiçoar. Nas livrarias, em encontros de intelectuais ou na porta da escola dos filhos. Aplicativos podem funcionar, mas Virgem é  desconfiado e, por isso, o encontro físico não pode demorar para acontecer.

Libra – Os amigos e parentes idealizam a felicidade de Libra e vivem apresentando pessoas muito legais para preencher seu coração. Mas Libra também pode encontrar o amor em festas, reuniões e até mesmo no casamento da melhor amiga. Quem sabe se esbarram dançando no show da banda que adoram e descobrem afinidades? Libra é um signo sofisticado e adora os joguinhos de sedução. Podem frequentar os mesmos lugares durante meses e ficar só na troca de olhares… até que o coração esquente e um dos dois tome a iniciativa.

Escorpião – Podem usar os aplicativos e dar sorte de encontrar alguém com quem tenham afinidades. Ou frequentar lugares famosos por serem pontos de “azaração”. E o sentimento que começou como uma brincadeira vai se tornando mais forte. Não raro, o encontro se dá em situações e locais inusitados, como hospitais, clínicas médicas e até velórios. Outras opções: no curso de tarô, na igreja, no centro de meditação ou no grupo de trabalho voluntário.

Sagitário – Nas viagens ao redor do mundo, na trilha pelas montanhas ou na caminhada de vários dias. Nos cursos de filosofia, palestras sobre espiritualidade ou em retiros para o autoconhecimento. Comprando mudas para plantar no sítio, estudando o poder das ervas, debatendo sobre política com o grupo de amigos. Sagitário ama a natureza, mas não abre mão de uma companhia inteligente. Mergulhando no mar, correndo da chuva, caminhando sem rumo certo, deixando as coisas e o amor acontecerem sem aviso, ansiedade ou planejamento.

Capricórnio – Não dá outra: será no ambiente de trabalho. Ou perto. Pode ser a pessoa que almoça ao seu lado no restaurante de sempre. Um amor juvenil que espera o tempo para amadurecer e se revelar. No curso de cerâmica, de mosaico ou pintura. Passeando com o pet na rua ou revisitando lugares do seu passado, fazendo o curso de pós-graduação ou treinando para aprimorar o idioma. Capricórnio não tem pressa e o amor deve se apresentar devagar e ganhar força e confiança de seu coração sensível e leal.

Aquário – O amor pode se esconder durante muito tempo entre o grupo de amigos, já que, para aquarianos, a amizade pode ser tão importante quanto a paixão. Mas pode estar também do outro lado do mundo, caminhando por ruas desconhecidas com a mochila nas costas. Aplicativos divertem e ajudam a encontrar a cara-metade. O imprevisto sempre dá uma ajudinha, proporcionado encontros inusitados, como um encontrão em que você derruba o refrigerante da pessoa amada.

Peixes – Num cruzeiro sobre as ondas do mar ou mergulhando na piscina do clube.  No grupo de ioga e meditação, nos cursos de idiomas, nos intercâmbios fora do país. O engano pode ajudar. Peixes manda mensagem pela rede social porque fez confusão com uma antiga colega e.. se apaixona pelo desconhecido! No grupo de terapia, na igreja ou no centro espírita. Pode encontrar no curso de cinema ou design. Os likes na rede social ajudam e mostram o interesse e sensibilidade em relação a outra pessoa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *